sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Não se renuncia ao direito a uma vida sem violência.


Não se renuncia ao direito a uma vida sem violência, e isso requer o compromisso claro do Estado e da sociedade. A Lei Maria da Penha escrita a tantas mãos exige seu cumprimento também por muitas mãos. Sem apoio, a mulher vitimada não encontra forças para dar um basta na violência que sofre. O envolvimento de todas as pessoas é fundamental. Você também faz parte dessa história. Está na lei. Exija seus direitos. Lei Maria da Penha. Uma vida sem violência é um direito das mulheres.
Campanha 16 dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres

Nenhum comentário: